Em pesquisa, pacientes aprovam serviço de saúde de Jundiaí

COMPARTILHE!

 A avaliação positiva dos serviços ofertados pela rede de saúde de Jundiaí supera os 80%. Os dados estão em pesquisa realizada a partir dos totens “Guardião da Saúde”, entre os meses de maio e agosto – segundo quadrimestre do ano. Os 15 equipamentos espalhados pela cidade são conectados via internet e permitem ao usuário opinar e registrar críticas, elogios, sugestões e reclamações sem a necessidade de identificação.


Dos 9.424 usuários participantes no período, 85% indicam os serviços prestados pela Prefeitura de Jundiaí, por meio da Unidade de Gestão de Promoção da Saúde (UGPS), para outras pessoas.

Além desse quesito, o munícipe pode responder outras três questões de múltiplas escolhas. No período, no quesito recepção, 81% avaliaram positivamente (56% ótimo e 25% bom); em profissionais, a validação chega a 77% (54% ótimo e 23% bom); e em limpeza, higiene e organização, as avalições como ótimo e bom somam 83% (54% ótimo e 29% bom).

O sistema é um dos principais instrumentos utilizados pela gestão para que a população se comunique com a Prefeitura, apontando o que é necessário melhorar e o que está correto.

“Com base nessas opiniões, qualificamos os serviços, organizamos o atendimento e trazemos uma melhor forma de cuidar do usuário da nossa rede. A saúde é a nossa prioridade e, desde 2017, investimentos na melhoria da ambiência e em tecnologia, e também na implementação do atendimento humanizado, por meio de capacitações voltadas aos servidores e da ampliação do Programa Posso Ajudar. Pelo que indica a avaliação, estamos no caminho certo”, ressalta o prefeito Luiz Fernando Machado.

“Todas as indicações são recebidas em tempo real pela gestão. As pontuações negativas, ou seja, com indicativo de ruim – em torno de 7%, em média – são extremamente importantes e são analisadas pontualmente para que, de imediato, sejam feitas as intervenções com as equipes para a solução”, informa o gestor de Promoção da Saúde, Tiago Texera.

Após conhecer a ferramenta, Priscila participou da pesquisa

Facilidade
Para a dona de casa Priscila Regina Rodrigues Garcia, que utilizou o equipamento pela primeira vez na UBS Jundiaí Mirim, deixar sua avaliação foi importante. “Foi bom poder opinar e de um jeito tão fácil”.

“É uma ferramenta muito bacana para que fiquem sabendo na Prefeitura o que achamos do serviço e como fomos atendidos. Foi muito rápido fazer o meu registro”, também comentou a dona de casa Maria Regina Patelli.

Ao todo, desde o início da operação do “Guardião da Saúde”, 153.193 avaliações foram registradas no sistema. Novo balanço será divulgado no final do terceiro quadrimestre do ano.

Maria Regina aprovou a ferramenta e deixou sua opinião registrada

Posso Ajudar
A UGPS, também dentro das ações que proporcionam qualificação ao atendimento, tem o Programa Posso Ajudar, serviço baseado na orientação feita por atendente qualificado para solucionar as dúvidas dos pacientes, antes ou após consultas ou procedimentos realizados.

Além das 35 UBSs, em locais como o Centro de Convivência, Cultura, Trabalho e Geração de Renda (CECCO), a Academia de Saúde e o Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), os usuários são recepcionados e acolhidos pelos atendentes, o que também otimiza o tempo de permanência nos serviços.

“É fundamental que o bom atendimento comece na porta de entrada do serviço e que o usuário possa monitorar a qualidade dos nossos serviços, indicando melhorias necessárias e apontando o que está dando certo. Desta forma, vamos melhorando cada vez mais as políticas públicas a partir de planejamento estratégico em saúde”, acrescenta a diretora do Departamento de Planejamento, Gestão e Finanças da UGPS, Daniela Regina Tafarelo Zito.

( Fonte/Imagens: Prefeitura de Jundiaí)


SIGA NAS REDES SOCIAIS